18
Jul 13

A tinta que te corre nas veias…

 

As qualidades são escritas a lápis e os defeitos a caneta.

 

Pouco importa o que se escreve, importa com o que se escreve.

 

Quando a mente prefere ser corrector a borracha, não há mão que dite o contrário, não há pensamento que suplante essa vontade, não há quem contrarie a ordem das coisas.

 

O que não se sabe é que quem escreve, não tem sempre fonte de inspiração, nem todos os dias são belos nem tão pouco positivos.

 

Quem escreve, tem apenas a saber que um livro não se lê a carvão e a tinta barata.

 

A verdadeira essência da leitura, consiste em saber que o que se encontra a lápis é tão mais belo, perfeito e feliz que as frases escritas a caneta, apagando-as dessa forma de todos os prefácios, desenvolvimentos e conclusões de quem procura o caminho para a verdadeira e pura felicidade.

publicado por Chicailheu às 20:45
borboletas:

26
Mai 13

INSTANTES

 

 Desconhecido

 

Se eu pudesse viver novamente a minha vida, na próxima trataria de cometer mais erros.

Não tentaria ser tão perfeito, relaxaria mais.

Seria mais tolo ainda do que tenho sido; na verdade, bem poucas pessoas levariam a sério.

Seria menos higiênico.

Correria mais riscos, viajaria mais, contemplaria mais entardeceres, subiria mais montanhas, nadaria mais rios.

Iria a mais lugares onde nunca fui, tomaria mais sorvete e menos lentilha, teria mais problemas reais e menos imaginários.

Eu fui uma dessas pessoas que viveu sensata e produtivamente cada minuto da sua vida.

Claro que tive momentos de alegria.

Mas, se pudesse voltar a viver, trataria de ter somente bons momentos.

Porque, se não sabem, disso é feito a vida: só de momentos - não percas o agora.

Eu era um desses que nunca ia a parte alguma sem um termômetro, uma bolsa de água quente, um guarda-chuva e um pára-quedas; se voltasse a viver, viajaria mais leve.

Se eu pudesse voltar a viver, começaria a andar descalço no começo da primavera e continuaria assim até o fim do outono.

Daria mais voltas na minha rua, contemplaria mais amanheceres e brincaria com mais crianças, se tivesse outra vez uma vida pela frente.

Mas, já viram, tenho 85 anos e sei que estou morrendo.

publicado por Chicailheu às 10:32
borboletas:

26
Jan 13

Sucesso é ter um emprego,

Uma vida tranquila,  

Meia dúzia de amigos fiéis,

Um pouco de lazer,  

Algum estudo e a cabeça no lugar.  

Sonhar é bom e saudável,

Ler revistas é uma delícia,  

Imaginar cenas de novela acontecendo conosco é permitido e indolor,

Mas nada nos deixa mais vulneráveis do que cruzar a fronteira do imaginário.  

Do outro lado, ninguém sabe o que há.  

 

Martha Medeiros

publicado por Chicailheu às 20:46
borboletas:

30
Dez 12

Posso ter defeitos

 

Posso ter defeitos, viver ansioso e ficar irritado algumas vezes, mas não esqueço de que minha vida é a maior empresa do mundo.

E que posso evitar que ela vá à falência.

Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver, apesar de todos os desafios, incompreensões e períodos de crise.

Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas e se tornar um autor da própria história.

É atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de encontrar um oásis no recôndito da sua alma.

É agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida.

Ser feliz é não ter medo dos próprios sentimentos.  

É saber falar de si mesmo. É ter coragem para ouvir um não.

É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta.  

 

Augusto Curyiver

publicado por Chicailheu às 21:35
borboletas:

22
Dez 12

Todos nós já tivemos, de uma maneira ou de outra, experiências difíceis na vida.

 

Isto faz parte de nossa viagem por esta Terra – e embora muitas vezes pensamos que “as coisas podiam ter acontecido de outra maneira” - o fato é que não podemos mudar nosso passado.  

 

Por outro lado, é uma mentira pensar que tudo que nos acontece tem o seu lado bom; existem coisas que deixam marcas muito difíceis de superar, feridas que sangram muito.  

 

Como, então, nos livrarmos de nossas experiências amargas?  

 

Só existe uma maneira: vivendo o presente.

 

Entendendo que, embora não possamos mudar o passado, podemos mudar a próxima hora, o que acontecerá durante à tarde, as decisões a serem tomadas antes de dormir.  

 

Como diz o velho provérbio hippie: “hoje é o primeiro dia do resto da minha vida”.  

 

Paulo Coelho

publicado por Chicailheu às 19:18
borboletas:

30
Nov 12

publicado por Chicailheu às 22:02
borboletas:

15
Nov 12

A tinta que te corre nas veias…

 

As qualidades são escritas a lápis e os defeitos a caneta.

 

Pouco importa o que se escreve, importa com o que se escreve.

 

Quando a mente prefere ser corrector a borracha, não há mão que dite o contrário, não há pensamento que suplante essa vontade, não há quem contrarie a ordem das coisas.

 

O que não se sabe é que quem escreve, não tem sempre fonte de inspiração, nem todos os dias são belos nem tão pouco positivos.

 

Quem escreve, tem apenas a saber que um livro não se lê a carvão e a tinta barata.

 

A verdadeira essência da leitura, consiste em saber que o que se encontra a lápis é tão mais belo, perfeito e feliz que as frases escritas a caneta, apagando-as dessa forma de todos os prefácios, desenvolvimentos e conclusões de quem procura o caminho para a verdadeira e pura felicidade.

 

publicado por Chicailheu às 16:42
borboletas:

08
Nov 12

Coisas que a vida ensina depois dos 40  

 

Amor não se implora, não se pede não se espera...  

Amor se vive ou não.  

Ciúmes é um sentimento inútil.

Não torna ninguém fiel a você.  

Animais são anjos disfarçados, mandados à terra por Deus para  mostrar ao homem o que é fidelidade.  

Crianças aprendem com aquilo que você faz, não com o que você diz.  

As pessoas que falam dos outros pra você, vão falar de você para os outros.

 Perdoar e esquecer nos torna mais jovens.  

Água é um santo remédio.

 Deus inventou o choro para o homem não explodir.  

Ausência de regras é uma regra que depende do bom senso.  

Não existe comida ruim, existe comida mal temperada.  

A criatividade caminha junto com a falta de grana.  

Ser autêntico é a melhor e única forma de agradar.  

Amigos de verdade nunca te abandonam.  

O carinho é a melhor arma contra o ódio.  

As diferenças tornam a vida mais bonita e colorida.

 Há poesia em toda a criação divina.  

Deus é o maior poeta de todos os tempos.  

A música é a sobremesa da vida.  

Acreditar, não faz de ninguém um tolo.

Tolo é quem mente.  

Filhos são presentes raros.

 De tudo, o que fica é o seu nome e as lembranças a cerca de suas ações.  

Obrigada, desculpa, por favor, são palavras mágicas, chaves que  abrem portas para uma vida melhor  

O amor... Ah, o amor...  O amor quebra barreiras, une facções,  destrói preconceitos,  cura doenças...  

Não há vida decente sem amor!  

E é certo, quem ama, é muito amado.  

E vive a vida mais alegremente...

 

 Artur da Távola

publicado por Chicailheu às 15:51
borboletas:

11
Out 12

Que me olhe nos olhos quando falo.  Que ouça as minhas tristezas e neuroses com paciência.  Preciso de alguém, que venha brigar ao meu lado sem precisar ser convocado; alguém Amigo o suficiente para dizer-me as verdades que não quero ouvir, mesmo sabendo que posso odia-lo por isso.  Neste mundo de céticos, preciso de alguém que creia, nesta coisa misteriosa, desacreditada, quase impossivel de encontrar: A Amizade.  Que teime em ser leal, simples e justo, que não vá embora se algum dia eu perder o meu ouro e não for mais a sensação da festa.  Preciso de um Amigo que receba com gratidão o meu auxílio, a minha mão estendida.  Mesmo que isto seja pouco para as suas necessidades.  Preciso de um Amigo que também seja companheiro, nas farras e pescarias, nas guerras e alegrias, e que no meio da tempestade, grite em coro comigo:  "Nós ainda vamos rir muito disso tudo"  Não pude escolher aqueles que me trouxeram ao mundo, mas posso escolher o meu Amigo.  E nessa busca empenho a minha própria alma, pois com uma Amizade Verdadeira, a vida se torna mais simples, mais rica e mais bela..."  

 

Charlie Chaplin

 

publicado por Chicailheu às 22:45
borboletas:

16
Jul 12

A entrega!!!
 
Mostra-me um sorriso e ganhe o código da minha alma
 Mostra-me a tua intenção e eu te devolverei dobrado
 Mostra-me teu carinho que te respondo com amor
 Mostra-me teu semblante alegre e eu te dou a participação da minha felicidade
 Mostra-me tua mão amiga e eu te dou meu coração
 Mostra-me tuas virtudes e eu te mostrarei benignidade da minha alma
 Mostra-me tua imaginação e eu te darei o tesouro que em mim habita
 Mostra-me a tua boa vontade e eu te recompensarei com atenção dobrada
 Mostra-me a beleza que existe na tua alma, e eu te mostrarei minha admiração
 Mostra-me teu caráter, e eu te mostrarei os meus sonhos
 Mostra-me o teu sonho e eu te mostrarei que juntos fica mais fácil realizar
 Mostra-me a intenção do teu coração e eu serei seu complemento
 Mostra-me a tua bondade eu te mostrarei minha temperança
 Mostra-me a grandeza que há em ti e serei teu aluno
 Mostra-me tua compreensão e te revelarei meu caráter
 Mostra-me tua bondade eu te darei mansidão
 Mostra-me tua sinceridade e eu te darei abrigo em meu coração
 Mostra-me o perfume da rosa que exala de ti, e eu te darei as chaves das comportas do amor que tenho em minha alma
 Mostra-me a simplicidade, e eu depositarei meu sono suave nos teus braços
Mostra-me tua paciência e eu te darei minha vida
 Mostra-me a excelente grandeza da tua alma, e dedicarei o meu tempo para ti
 Mostra-me a tua indignação eu te revelarei minha decência
 Mostra-me a tua demora, eu te mostrarei minha paciência
 Quando em tudo e por tudo a mim te revelar, certamente que me revelaste a responsabilidade dobrada de pagar o preço por te aceitar.
 Quando em tudo e por tudo a mim te revelar, então estará lançado o desafio de me por no teu lugar.
 Quando em tudo e por tudo a mim te revelar, então brilharei com a magnitude do aprendizado no dia a dia, e na escola da mestra em humildade para o conhecimento manter, esforço para ser um bom aluno.
 “Lamento; não fará o tempo desperdiçado com as ilusões da vida, trazer do aniversario passado à felicidade para o futuro”.

 

Autor: Gerson Lagoa


 

 

publicado por Chicailheu às 22:16
borboletas:

Agosto 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


::RELÓGIO::
RSS
::CONTADOR::
Ferias
Contador
::MEUS SLIDES::
::MIMINHOS::




































::BLOGUES AMIGOS::
O Blog da Joanina Azoriana / Açoriana Grilinha
::MINHAS MÚSICAS::
as minhas fotos
mais sobre mim
pesquisar
 
as minhas fotos
blogs SAPO